Pilotos Online Agora em Todos os Sites LigaCBR.com

Final Inacreditável Tira Título de um Piloto e Coloca no Colo de Outro

A primeira final de campeonato com chase na LigaCBR.com teve muita emoção no final. A relargada para a volta final foi só uma das coisas. Leia mais...

Clayton Félix Vence, Pereira Termina Round of 6 na Frente, Domingo tem FInal

Acabou agora a pouco a prova de Bristol, última etapa do Round of 6. Muitas disputas, muitos acidentes e após liderar algumas voltas Allisson Rodrigo assumiu a ponta e liderou por 22 voltas, rodou, perdeu a liderança, assumiu e rodou novamente, após isso Clayton Félix assumiu a ponta e não perdeu mais. Roberto Pereira andou sempre em terceiro e concluiu em segundo com o abandono de Allis Leia mais...

Edson Godói Venceu em Glen, Pereira Favorito pra Final

A prova de Watkins Glen deu novos ares com a volta de Edson Godói ao Grid. Com uma boa consistência Roberto Pereira liderou boa parte da prova com Clayton Félix em segundo, quando Clayton errou ao forçar uma ultrapassagem e ficou para trás a briga ficou entre Edson Godói e Roberto Pereira (líder). Godói foi se aproximando aos poucos e assumiu a liderança da prova para, mesmo seguido d Leia mais...

Pereira Vence em Pocono e Garante Vaga na FInal

Com prova consistente o piloto Roberto Pereira foi bastante atacado, mas se portou bem e venceu a prova de Pocono garantindo sua vaga na final do CBR Cup. Prova contou com novidades Lucas Garcia (4º) e Allison Rodrigo (2º). O pódio foi completado por Pablo Camargo. Leia mais...

NDC - Normas de Conduta

1- O documento:

1.1- Vamos nos referir a este documento sempre como o "NDC" (Normas de Conduta) da CBR, para facilitar.

1.2- Objetivo: Informar toda a comunidade da Liga CBR da obrigatoriamente das condutas aqui descritas.

1.2b- O fato do usuário estar inscrito na Liga CBR implica automaticamente que concorda com todo o seu conteúdo.

1.3- O NDC foi apresentado previamente aos gerentes da Liga CBR e estes tiveram a oportunidade de opinar e assim legitimá-lo.

1.4- Exclusão, mudança e inclusão de itens somente poderão ser feitas pela gerência/direção da Liga, dispensando votações.


2- Os meios de comunicação:

2.1- Os meios de comunicação da Liga: fórum, blog e quaisquer outros meios de troca de informações que envolvam seu nome.


3- Conduta em geral:

3.1- Todos os itens do NDC são universais, ou seja, válidos para toda a Liga CBR, ou seja, fora e dentro dos campeonatos.

3.2- É proibido o uso de palavrões, agressões verbais, escríta ou por símbolos em qualquer meio de comunicação da Liga CBR.

3.3- É proibido o uso das mesmas agressões descritas no ítem 3.2 mesmo fora da Liga, seja em outras ligas, redes sociais, etc.

3.4- É proibido utilizar os replays da corrida para confecção de vídeos, sem a devida autorização da gerência do campeonato.

3.4b- É proibida a utilização de banners da Liga ou qualquer de seus campeonatos sem a devida autorização da gerência.

3.5- O não conhecimento do exposto no NDC-CBR não pode ser alegado como justificativa de violações das normas de conduta.

3.6- Cabe ao chefe de equipe informar a seus pilotos a existência do NDC e das possíveis punições.

3.7- O piloto que quiser denunciar ou se sentir ofendido deverá encaminhar MP para a direção (Clayton Félix ou Flávio Ribeiro).

3.8- Não é permitido imagens ofensivas, como: pornografia, pedofilia, mal trato com os animais, etc.

3.9- O piloto/usuário pode se manifestar nos meios de comunicação da Liga, comentando lances, a corrida em si e até não concordar com eles. No entanto terá de usar o bom senso para ser sempre respeitoso com todos, não usar linguagem ofensiva e quaisquer outros elementos que remetam aos itens 3.2, 3.3, 3.4. Somente no TS da própria equipe o no mensager da CBR (que são canais de uso particular) é que os usuários poderão falar o que desejarem, pois nesses canais não existe moderação e é garantida a privacidade. No entanto, caso ocorra um descuido e o conteúdo dessa conversa vaze para os
canais públicos da Liga, os envolvidos poderão ser punidos.

4.0 - Sobre as punições:

4.1- Todas as punições relativas ao NDC serão avaliadas pelo gerente do campeonato e direção, com a participação ou não de
outros gerentes, dependendo da situação.

4.2- Não cabem recursos as decisões tomadas pela adm. a partir da utilização do NDC.

4.3- Caso algum fato ocorra sem estar previsto do NDC, cabe a adm. deliberar e julgar o caso, conforme intem 4.2

4.4- As punições serão classificadas da seguinte maneira: Leve, moderada, grave ou gravíssima. Após classificada sua
intensidade, cabe a adm. indicar a punição que pode ir de uma advertência verbal até a exclusão da Liga. Conforme
deliberação da adm.

4.5- Fica estabelecido que a punição mínima para quem incorrer em qualquer um dos itens acima é BAN de 7 dias podendo a critério da LIGACBR ser aumentada ou agrupada à outras punições, conforme descrito no item 4.4

1. TERMOS E CONDIÇÕES
1.1. Concordância: Depois de inscrito o piloto aceita todos os termos citados aqui. O não conhecimento deste regulamento não poderá ser utilizado como protesto.
1.2. Responsabilidades: A Liga CBR não se responsabiliza por qualquer mau funcionamento dos equipamentos dos participantes. Se o piloto tenha mau funcionamento de algum equipamento como TS, computador, simulador, internet, a CBR não pode garantir que o piloto desfrute dos eventos oferecidos, e não poderá alegar mau funcionamento em protestos e recursos, acusando a Liga CBR por má qualidade nos serviços prestados.
1.3. Ausências: O mau funcionamento do equipamento ou falta de recursos básicos como falta de energia elétrica e internet não justifica a falta em uma etapa e não pode ser usado como justificativa.
1.4. Alterações no Regulamento: A Liga CBR tem ao direito de fazer alterações necessárias no regulamento durante a temporada, a serem publicados no fórum CBR.

Parágrafo Único:

- Não será permitido que um piloto não inscrito oficialmente substitua um piloto ausente em qualquer etapa, sendo cabível ao administrador da categoria expulsá-lo do servidor.

2. HORÁRIOS
2.1. Pontualidade: Um piloto não pode alegar atrasos para obter benefícios, não terá direito de solicitar tempo de espera, e não poderá solicitar recomeço de nenhuma sessão da etapa.
2.2. Sessões: O piloto deverá verificar no fórum de sua categoria, pois os campeonatos possuem simulações distintas.
2.3. Problemas excepcionais: Quando um problema força o término prematuro da etapa:
2.3.1. Caso a corrida não tenha alcançado 50% de sua duração, a etapa será adiada para uma data ao final do campeonato, sendo que a classificação é validada.
2.3.2. Caso a corrida tenha ultrapassado os 50% de sua duração, ela será dada como encerrada, e os pilotos receberão os pontos totais referente a última volta completada.
2.3.3. Como padrão, os horários seguirão o oficial de Brasília.
2.3.4. Em caso de postergação ou antecipação de horário e/ou dia de alguma etapa oficial, haverá por parte do administrador da categoria, aviso prévio podendo ou não solicitar opinião dos participantes.

3. ETAPAS OFICIAIS
3.1. Briefing (caso a categoria obtenha): Reunião entre organizadores do campeonato e pilotos via Team Speak, para repassar as devidas informações, instruções e tirar dúvidas. Proibido uso do servidor durante este período. As decisões firmadas entre organizadores e pilotos durante o briefing, tornam-se oficiais e irrevogáveis. Caso o piloto venha a descumprir a decisão, não terá direito a protesto, ou caso o piloto não participe do Briefing, não poderá protestar alegando não conhecimento das decisões tomadas.
3.2. Classificação: A classificação será conforme os moldes da categoria, podendo ser privada ou não, por voltas ou tempo. Caso haja algum problema extremo durante essa sessão, o administrador poderá aplicar alterações. Não é permitido CHAT.
3.3. Warmup: Cinco minutos de duração para os últimos acertos. Chat liberado.
3.4. Largada estática: Aguardar o cronômetro zerar para as luzes vermelhas acenderem, poderá haver casos de categorias com simulação de volta de apresentação. Não movimentar o carro antes das luzes se apagarem, senão o simulador poderá aplicar penalização automaticamente.
3.5. Largada em movimento: Ao início da chamada para o grid, o piloto deve clicar em corrida e ficar atento ao piloto à sua frente, onde o seu rótulo (nome), ficará na cor amarela indicando que o piloto deve ficar atrás dele. Seguir atrás do mesmo até o acionamento da bandeira verde. O piloto deverá ficar atento do que pode ou não durante a volta de aquecimento, sob observação de penalização. O mesmo deverá estar ciente das regras da sua categoria.
3.5. Largada dos boxes: Os pilotos que receberem a determinação de largarem dos boxes deverão cumpri-la corretamente. Deve-se aguardar na tela principal a largada normal dos demais participantes, e depois disso clicar em Corrida. O carro partirá de dentro do boxes e deve ser conduzido até o final da área dos boxes, antes do sinaleiro/linha, aguardando o sinaleiro ficar verde, liberando assim a largada.
3.6. Falhas na largada: Não há largada falsa nem abortagem da corrida, exceto pro problemas técnicos excepcionais ou sob ordem do diretor/administrador de prova. Mantenha-se na corrida e jamais abandone a mesma para pedir relargada. Não polua com chat, sob pena nos itens 10.3.3 e 10.3.4
3.7. Queda de participante: As atividades não serão interrompidas nem adiadas em caso de queda de algum participante em qualquer sessão. Este será considerado como abandono nas estatísticas, caso tenha saído durante a corrida, e como não largou caso não tenha sido bem sucedido em alinhar o carro no grid.
3.8. Anti-cheater: Obrigatório usar o rF Total Control usado pela Liga CBR e anexar o log em no máximo 15 minutos após o termino da prova. Atentar ao item 10.5.10 e ao Parágrafo Único do item 10.5
3.9. Ping: O ping limite para os campeonatos da Liga CBR é de 300. Ultrapassando esse limite, terá uma primeira chamada, seja por mensagem privada, chat aberto ou TS para esse piloto ajustar. Isso deverá ser ajustado antes da sessão de Classificação, ou seja, durante o Treino Oficial. Se persistir o gerente terá total autonomia para expulsar do server.
3.10. Softwares: Durante a corrida, o piloto estará ciente que deixará somente aberto uso do simulador, o anticheat usado pela categoria (ver item 3.8) e o Team Speak.

Parágrafo único:

- Referente ao item 3.8 e 3.10 : Após análise o gerente que administra o campeonato vai analisar os logs. Se caso algum piloto tiver muitos programas abertos, o gerente irá formalizar via MP para o piloto em si. Caso seja reincidente, fica a cargo do gerente qual punição vai ser estabelecida, ver item 10.5.11

4. SERVIDOR
4.1. Treinos livres: O servidor CBR quando não usado para etapas oficiais, ficarão abertos apenas em treinos livres.
4.2. Treino Oficial: A hora marcada para o início do treino oficial (o piloto deverá se informar no fórum de sua categoria), o servidor da categoria ficará reservado para treinamentos apenas com os pilotos e carros da mesma. Havendo a presença de 1 (um ) ou mais pilotos que não compõe o quadro atual da categoria, os mesmos serão convidados pelo administrador a se retirarem. Havendo a reincidência, poderão ser expulsos do servidor.
4.3. Respeito: É exigido o bom uso dos servidores, seguindo os mesmos conceitos de respeito e convívio empregados em campeonatos. Atitudes antidesportivas, inclusive uso de cheat (trapaças) ou ofensivas, nestes períodos de treinos são passíveis de penalizações.

5. INSCRIÇÃO E IDENTIFICAÇÃO
5.1. Pilotos por equipes: É definido o limite mínimo e limite máximo de pilotos por equipe conforme a simulação da categoria. Um piloto desligado ou desistente não abre vaga para que a equipe o substitua por outro, salvo em acordos definidos entre equipe e administração da categoria.
5.2. Atividade: Se a administração da Liga CBR identificar um piloto oficialmente inscrito e o mesmo está há muito tempo inativo, poderá ser investigado e passível de exclusão de cadastrados da liga.
5.3. Mudança de equipes: Para os casos de mudança de equipe, deverá ser observado o seguinte:
5.3.1. Um piloto que criar ou se juntar a uma equipe no decorrer do campeonato não poderá levar os pontos do campeonato de construtores que já tiver obtido em corridas ou equipes anteriores, somando seus pontos com a nova equipe a partir da corrida subsequente. Mantêm-se neste caso os pontos individuais do campeonato de pilotos conquistados até então. A mudança deverá ser feita no sistema não sendo necessário comunicar o gerente, porém o gerente não irá refazer a classificação caso o piloto comunique a mudança, mas não a faça no sistema.
5.3.2. Não será permitido troca de nomes e pinturas durante o campeonato, somente no intervalo de uma temporada para outra.
5.4. Identificação: Não é permitido usar “apelidos” como nome no jogo, ou nomes impronunciáveis, ou até mesmo que contribuam para algum meio malicioso, código de grupo, e pilotos reais. O uso de Nome e Sobrenome é obrigatório nos servidores da Liga CBR para melhor identificação na hora da corrida, na somas dos pontos dentre outros.
5.5 O administrador da categoria poderá suspender a realização do campeonato por tempo indeterminado, caso não entenda que quórum está adequando aos seus planos.

6. LICENÇAS
6.1. Ainda não está em vigor, cada campeonato terá seus pré-requisitos de participação a serem verificados no fórum da categoria.

7. O CAMPEONATO
7.1. Campeonato de Construtores: Cada equipe registrada participará do Campeonato de Construtores adicionando os pontos obtidos em cada etapa por seus pilotos. Será campeão o time que somar maior número de pontos depois de cumpridas todas as etapas. Ver critérios de desempate no item 7.5
7.2. Campeonatos de Pilotos: Todo piloto inscrito participa do Campeonato de Pilotos, adicionando os pontos por ele obtidos em cada etapa. Será campeão o piloto com maior número de pontos ao final de todas as etapas.
7.3. Sistema de pontuação: Serão distribuídos pontos segundo a posição final na corrida, de acordo com a tabela definida conforme a simulação da categoria. Cada piloto deve procurar as informações de acordo com sua categoria de participação.
7.4 Resultados: Os pontos serão contabilizados e apresentados após o término de cada etapa através do sistema que chamamos SLS. Todo piloto tem login criado automaticamente no sistema, não sendo necessário cadastro adicional.
7.5 Critérios de desempate (válido para equipes e pilotos): Maior número de vitórias, 2ºs, 3ºs, 4ºs, 5ºs, e assim por diante. Esgotadas as colocações em corridas, o critério seguinte é o maior número de pole positions.
7.6 Em todos os campeonatos pilotos desclassificados são jogados para baixo no resultado da prova, mas recebem de sua posição final. Os que abandonarem pontuam na posição em que estiverem ao termino da prova.

Parágrafo Único:

- Ao se persistir o empate, seguir-se-á a seqüência das posições de chegada e comparando-se as quantidades de cada piloto até que haja o desempate. Se o empate se mantiver até o fim, o resultado da última prova será o fator determinante.

8. CONFIGURAÇÕES GERAIS
8.1. Cada categoria definirá sua simulação e dinâmica ao longo da temporada, informando à todos os inscritos no seu devido tópico da categoria, as configurações conforme os itens abaixo:

Server Name (Nome do Servidor)
Flag Rules (Regras de Bandeiras)
Fuel Usage (Consumo de Combustível)
Tire Usage (Consumo de Pneus)
Failures (Falhas mecânicas)
Practice time (Tempo de Treino)
Qualify time (Tempo da Classificação)
Qualify laps (Voltas da Classificação)
Warmup Time (Tempo de Aquecimento)
Type of Start (Tipo de Largada)
Race Length (Distância da Corrida)
Race Laps (Voltas da Corrida)
Race Time (Tempo da Corrida)
Race Start Time (Hora início da Corrida)
Race Time Scale (Escala do tempo da Corrida)

Traction Control (Controle de Tração)
Anti-Lock Braking (ABS)
Stability Control (Controle de Estabilidade)
Auto Shifting (Câmbio Automático)
Sterring Help (Ajuda de Pilotagem)
Braking Help (Ajuda de Freios)
Auto Clutch (Embreagem Automática)
Invulnerability (Invencibilidade)
Auto Pit Stop (Pit Stop Automático)
Opposite Lock (Contra-Direção)
Spin Recovery (Recuperação de Rodada)
AI Toogle (Presença de AI's)

Damage Multiplayer (Danos)
Setup (Acerto do carro)
Pit Stop (Paradas)
Câmera

Horários
Pontuações


9. PENALIZAÇÕES

9.1. Com o objetivo de dar transparência e para melhorar a percepção de aplicação de punições justas foram criados dois fóruns de protestos, um de primeira instância onde apenas os chefes de equipes tem direito a voto e outro de segunda instância onde apenas a administração tem direito à voto sendo ambos os fóruns com voto secreto.

Todo piloto que se sentir prejudicado deverá abrir um tópico de protesto formal em até 24h após o término da etapa para abrir um tópico no fórum de primeira instância para que sejam aplicadas penalizações em incidentes de corrida.

Quando a decisão for para culpar o piloto protestado este terá direito de recurso e poderá levar seu protesto para a segunda instância onde terá seu protesto reavaliado.

Se o resultado em primeira instância for de absolvição não caberá recurso e o processo se encerrará ali sem passar pela segunda instância, salvo casos em que a administração observe alguma irregularidade.

Os procedimentos para abrir um protesto deverão seguir as instruções abaixo:

- Protestante

O protestante deverá abrir um tópico no fórum de primeira instância conforme o padrão abaixo:

Título: Campeonato - Pista - Protestante X Protestado - Volta X

Corpo do Texto: Já vem preenchido.

Em enquete preencher com a pergunta: Culpado?
Em opcoes da enquete preencher Sim na primeira linha e Não na linha abaixo.

É proibido ao protestante responder seu próprio tópico no sentido de complementar seu protesto ou qualquer outro sentido. Se o fizer o protesto será automaticamente negado.

Não são aceitos textos que incitem confusão, o piloto deverá apenas descrever o ocorrido, preencher as informações e informar qual artigo em regulamento foi infringido, ver penalizações: LEVE, MÉDIA, GRAVE E GRAVÍSSIMA.

Caso o texto pela entendido com caráter provocativo o piloto protestante receberá penalizações conforme normas e regulamentos da CBR.

O prazo para votação será de 48 horas a partir da abertura do protesto.

Nenhum post no fórum permite edição, ou seja, não há como corrigir erros ou tentar voltar atrás no que foi escrito.

O processo que for para segunda instância terá seu post movido para o fórum da segunda instância onde ninguém tem permissão para postar além do gerente que irá dar como encerrado o processo e oficializará o resultado.

As únicas penas que podem ser aplicadas são as que estiverem descritas no protesto.

- Protestado

O protestado tem direito a uma resposta para argumentar ou esclarecer o ocorrido dentro de 24 horas a contar da abertura do protesto e direito à um segundo post onde poderá pedir para ir para segunda instância, porém em seu segundo post não terá o direito de dar novos argumentos de defesa, deverá apenas informar que deseja que seu processo vá para segunda instância.

Infringir o procedimento acima automaticamente o considerará culpado. Sem direito a recurso.

O texto a ser postado como recurso não pode conter contra argumentação no sentido de reverter o protesto contra o protestante, caso ocorra o protestado será considerado culpado. Caso entenda que o culpado foi o protestante deverá ser aberto protesto normalmente e seguir os procedimentos normais.

- Votantes e Segunda Instância

Os votantes estão proibidos de postar respostas, apesar de o sistema mostrar essa opção se o fizerem serão advertidos e poderão perder seu direito à voto.

Parágrafo Único: Os lobbys deverão ser feitos em sigilo, qualquer tentativa pública de campanha implicará penas aos que estiverem envolvidos.

9.2. Os incidentes serão cuidadosamente analisados através dos replays das corridas, os chefes de equipes e administradores decidirão se as acusações procedem ou não, ou seja, não haverão punições automáticas, exceto quando o campeonato tiver gerente real time descrito em seu regulamento específico. Os chefes de equipes terão poder de decisão em primeira instância e os administradores o terão apenas quando o processo for levado para segunda instância.

9.3. Caso o piloto ainda se sinta prejudicado por suspeita de uso de Cheat, que pode ser averiguada através do Log do AntiCheat, deverá enviar MP para o gerente do campeonato ou outro que venha substituí-lo descrevendo o motivo e justificando a suspeita para que o assunto possa tramitar em sigilo e ser avaliado entre a gerência.

9.4. As punições só serão aplicadas quando descritas no tópico de protesto, tópicos onde o protestante não informe em qual item o caso se enquadra serão negados. O piloto deve ter com isso total conhecimento de cada regra de punição para poder evitar cometer infrações e também ter embasamento para protestar.

9.5. A análise é feita através do replay do servidor da CBR, nunca considerando os replays do próprio piloto. Cada tópico de cada etapa, poderá conter o link pra download do replay oficial se alguém solicitar.

9.6. Gravação e publicação de vídeos ou fotos para análises são proibidos. O único modo de análise é o replay oficial.

Parágrafo único:

- Após a publicação do resultado oficial não serão aceitas reclamações, exceto por erros de digitação.
- O Resultado Oficial poderá ser apresentado até 48 horas antes da próxima etapa oficial.


10. INFRAÇÕES
10.1. As infrações foram pré-definidas como: LEVE, MÉDIA, GRAVE e GRAVÍSSIMA.
10.2. LEVE: Penalização de +10 segundos no tempo final de corrida. Estas penalizações não tem efeito caso o piloto abandone a prova.
10.2.1. Toques simples de corrida sem fair play (ocasionando perda de posições).
10.2.2. Cortar caminho acidentalmente com ganho de tempo e posição (perda do ponto de frenagem), e não devolver a posição.

10.3. MÉDIA: Penalização de +20 segundos no tempo final de corrida. Estas penalizações não tem efeito caso o piloto abandone a prova.
10.3.1. Acidentes com danos que não obriguem o piloto a reparos imediatos.
10.3.2. Desrespeitar a bandeira azul; “Dar passagem (o retardatário) a um carro mais veloz que quer ultrapassar” – Pelas regras da FIA, o piloto deverá permitir a passagem até três curvas após lhe ser mostrada a bandeira ou arrisca ser penalizado.
10.3.3. Entrar no servidor durante a classificação e atrapalhar os demais pilotos que estão concentrados em suas voltas usando CHAT ou tumultuando na pista.
10.3.4. Chat durante a corrida ou classificação desconcentrando os demais pilotos.
10.3.5. Contato, retorno perigoso em corrida ou classificação (quando não privada), ou forçar um carro para fora da pista causando perda de posições.

10.4. GRAVE: Penalização de +40 segundos no tempo final de corrida. Caso o piloto abandone a prova, não fará classificação na próxima etapa. Caso o piloto abandone a prova por um erro causado por outro piloto, não levará a punição de não fazer classificação.

10.4.1. Contato, retorno perigoso em corrida ou classificação (quando não privada), ou forçar um carro para fora da pista causando capotagem do oponente que não obrigue reparos imediatos.
10.4.2. Dirigir na contramão, com o carro avariado ou estacionar em local inadequado (tornando-se um perigo aos demais pilotos).
10.4.3. Mudar em mais de uma vez de direção para defender posição na reta. O piloto pode escolher um lado para defesa apenas uma vez, não podendo retornar ao ponto de origem.


10.5. GRAVÍSSIMA: Penalização de +60 segundos no tempo final. O piloto larga automaticamente dos boxes na próxima etapa, ou dependendo o caso a ser analisado pela administração, caberá a desclassificação.
10.5.1. Ofender outros pilotos, com palavras de baixo calão, seja durante as corridas ou posteriormente em qualquer meio de comunicação que envolva o nome da CBR.
10.5.2. Reincidência em infrações graves.
10.5.3. Permanecer mais de 3 voltas seguidas com carro danificado atrapalhando os demais pilotos.
10.5.4. Re-ultrapassar causando contato quando em posição de retardatário.
10.5.5. Contato, retorno perigoso em corrida ou classificação (quando não privada), ou forçar um carro para fora da pista causando danos que obriguem o piloto a reparos. Incluem-se neste artigo furo de pneu, perda de asa dianteira/traseira, suspensão severamente danificada, perda de rodas, quebra de motor, impossibilidade de chegar até o boxes, ou ainda, ocasionando o abandono do piloto.
10.5.6. Causar acidente quando em posição de retardatário.
10.5.7. Situação de manobra anti-desportiva ou fora dos padrões aceitáveis. Os organizadores podem ainda considerar a potencialização desta punição para a suspensão de uma etapa.
10.5.8. Não cumprir a determinação de largar dos boxes.
10.5.9. Não cumprir determinação de não realizar a classificação.
10.5.10. Logs recebidos do anticheat incompletos ou adulterados, e em caso de reincidências o piloto será desclassificado.
10.5.11. Excesso de softwares abertos em etapas oficiais apresentados nos logs enviados após as corridas que acarretam excesso de ping no servidor, vindo a causar instabilidade na conexão.
10.5.12. Tirar proveito de alguma falha no jogo (trapacear editando arquivos do jogo).

Parágrafo único:
- Caso de Cheat detectado ou colisão proposital acarretarão no banimento do campeonato e da Liga CBR.
- Agressões, ofensas e afins não são toleradas em qualquer meio de comunicação que envolva o nome da Liga CBR. Identificado o caso, o piloto será advertido pela Direção da Liga CBR sob pena de sofrer penalizações cabíveis.
- Se o piloto for punido em tempo real pelo simulador (Stop and Go ou Drive Through ) devido à não respeitar o item 10.3.2 a punição 10.3 não será aplicada.

11. PINTURAS
11.1. As pinturas são de livre criação e autenticidade quando a categoria exigir.
11.2. Não usar imagens pornográficas, ou de ofensas raciais, religiosas e desrespeito ao próximo.
11.3. A divulgação de patrocínios de marcas reais devem ser expostas mediante a comprovação da autenticidade da marca como apoio à equipe divulgadora, caso esta regra seja desrespeitada a LigaCBR não se responsabilizará por quaisquer direitos de marca ou problemas judiciais ficando o piloto e sua equipe com total responsabilidade por suas ações.
11.4. O template oficial para pinturas das equipes (quando houver) já vem com logotipos de patrocinadores em locais específicos. Não poderá ser removido, ou mudado de lugar esses logotipos.
11.5. As equipes poderão usar a mesma pintura para todos os carros de seus pilotos, desde que algum detalhe (além da numeração) os diferenciem para melhor identificação (em caso de transmissões).
11.6. As pinturas devem ser convertidas para o formato DDS em DXT3.
11.7. O e-mail para envio das pinturas é o disponibilizado pelo administrador da categoria até o prazo estipulado no tópico devido referente às pinturas. A equipe que não entregar até o prazo, entende-se que a mesma correrá com o carro padrão da liga (quando houver), ou com carro padrão do próprio Mod.

Joomla ACL by AceACL